Planejamento quase sempre é sinônimo de sucesso dentro do mundo artístico. Entretanto, em algumas situações, ter atenção as oportunidades do mercado é algo que pode trazer momentos importantes para uma gravadora, por exemplo. A história de bastidores do nosso novo EP Pluto, diz bastante a respeito disso. Alex Justino nos conta na íntegra:

Este Ep da Any Mello aconteceu de uma forma diferente do normal. Como já falei outras vezes, sempre vou em busca dos artistas que acho que combinam com nosso som ou recebo os demos pelo e-mail da gravadora. Um dia o Victor Enzo me pediu uma opinião sobre um som que ele tava remixando e foi assim que ouvi a track. Trocamos ideia sobre alguns plugins para chegar onde era necessário e foi isso.

Após um tempo, eu já estava tocando a track, que estava pronta e masterizada – ficou muito bom o remix diga-se de passagem. Ele também havia comentado comigo que a Any estava fechando com uma outra gravadora, porém parece que algo aconteceu e não se concretizou. Então após isso eles vieram falar comigo e sugeriram lançar na 92. Como eu já tinha me identificado com o som e gostado bastante do resultado, assinei as musicas.

Antes do lançamento oficial já tínhamos suporte do 2000 and One e Tessuto – eu também já havia tocado. Até agora, pós release, já tivemos feedback do Adam Bayer, Baikal e outros que vem chegando dia após dia.

Force on the dance floor

 

Share this Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.